Entrevistas

Andreia Nathalia6

As primeiras fotografias das gêmeas Andréia e Nathalia foram registros de uma viagem. Depois elas passaram a buscar referências na internet e então começaram os experimentos com autorretratos. Daí para a fotografia de moda foi um passo. Andréia é recém-formada em Design Gráfico e a Nathalia está concluindo o mesmo curso, essa formação contribui signitivamente para a composição dos trabalhos fotográficos. A dupla fotografou o primeiro editorial do Exib.me, denominado por elas como "Nímia", por representar o consumo exagerado, que sufoca. 

 

Somos muito tranquilas e gostamos de levar tudo com leveza e humor. 


Vocês imaginam o que seriam se não fossem fotógrafas?
Andréia - Nós cursamos Design Gráfico e gostamos muito da área, então provavelmente seguiríamos este caminho. Eu criei uma revista como projeto final, unindo meu interesse em fotografia de moda e design editorial.
Nathalia - Eu também gosto muito de design editorial e ainda estou finalizando meu projeto final, que é a proposta de um diário chamado flor com atividades para mulheres.

 

Andreia Nathalia1


Qual motivação vocês tiveram para ingressar no universo da fotografia e como foi o início da carreira?

Nathalia - Fizemos um intercâmbio para os Estados Unidos, em 2008, lá eu ganhei a minha primeira câmera semiprofissional. Eu tirava fotos da minha família americana e de qualquer coisa que via pela frente, foi assim que comecei a entender os princípios da fotografia.
Andréia - Nessa época nós descobrimos o Flickr, que tinha uma comunidade muito forte de jovens começando a fotografar e trocar ideias sobre fotografia. A princípio só olhávamos as fotos dos outros, só quando entramos na faculdade que começamos a experimentar mais a câmera. Começamos tirando fotos uma da outra ou autorretratos e testando ideias, disso começaram a nos procurar para tirar fotos de modelos. Em 2011 eu fui fazer intercâmbio em Los Angeles e utilizava todo meu tempo livre para trabalhar com modelos, maquiadores e stylists profissionais, o que me deu uma noção de como o mercado funciona.
Nathalia - Eu fui para Londres em 2012 estudar fotografia e também pude ter essa experiência de colaborar com outros profissionais da área da moda, o que foi muito bom para aprender e construir um portfólio.

Sentimos que a fotografia e o design se complementam muito. Noções de composição, tipografia e cores influenciam o nosso trabalho.

Andreia Nathalia7Andreia Nathalia8

 

Quais as referências profissionais de vocês? Quem são os fotógrafos em quem se inspiram?
Andréia - Gosto muito do trabalho dos fotógrafos Charlie Engman, Elizaveta Porodina e Camilla Akrans. Cada um tem um estilo diferente do outro, mas as fotos de todos me encantam.
Nathalia - Me inspira muito as fotos experimentais do Erwin Blumenfeld, as emoções e simplicidade das fotos da Rinko Kawauchi e a atitude e composição das fotos do Nick Knight.

Nossos projetos pessoais já serviram de inspiração para clientes que desejaram reproduzir a mesma atmosfera para suas marcas. 

Como vocês analisam a massificação do mercado de moda? As ferramentas de compartilhamento como o Instagram, a explosão das fast fashions, como essas transformações interferem no panorama atual da fotografia de moda?
Hoje em dia nós temos acesso a câmeras de boa qualidade e ao compartilhamento de fotos nas redes sociais. Tem gente que considera isso um lado negativo do mercado, mas nós vemos como uma oportunidade de compartilharmos nossas ideias e pontos de vista. O importante é se manter relevante e consciente.

Andreia Nathalia9Andreia Nathalia4

 

Quem vocês gostariam de fotografar
Nathalia - Acho que a modelo Natalia Vodionova, ela tem uma beleza meio angelical.
Andréia - A Lindsey Wixson além de ser linda parece virar um personagem diferente em cada foto.

A fotografia era um hobby que com o conhecimento em design gráfico foi ganhando espaço e hoje os dois andam em paralelo?
Andréia - Sim, nossos projetos pessoais têm levado a gente a explorar cada vez mais áreas multidisciplinares. Eu estou planejando a segunda edição da revista Cora, que espero levar para frente.
Nathalia - Eu fiz um editorial recentemente misturando fotografia e bordado e gostei muito de trabalhar com algo manual em cima das minhas fotos. É um caminho que quero explorar mais.

Toda foto é uma representação da visão de todos os envolvidos no trabalho, nunca é só a visão do fotógrafo. A personalidade e estilo da modelo, do maquiador, do diretor de arte e do cliente estarão visíveis no resultado final. 

Andreia Nathalia5 

 

 Fonte: http://an-takeuchi.com

Junte-se a outros profissionais criativos e empresas. Cadastre-se grátis!