Entrevistas

BrunaCastanheiraFB2

A mineira Bruna Castanheira começou como monitora do laboratório de fotografia da faculdade, onde cursou publicidade e propaganda. Hoje desponta como um dos destaques da fotografia brasileira. Levou toda sua sensibilidade para trás das lentes, criando um trabalho incrível. Os acontecimentos simples do cotidiano são sua fonte de inspiração. Num jantar com o marido ela pode perceber uma luz diferente e já imaginar um editorial. Andando pela rua, assistindo a um filme, ouvindo música, tudo é inspiração. Bruna afirma que viver a inspira!

 

Como foram os primeiros trabalhos em fotografia, você fotografou muita coisa até escolher trabalhar com moda ou já sabia que era o segmento que queria atuar?

Eu trabalhei muito com fotojornalismo, adorava viajar e fotografar pessoas normais no seu cotidiano. Fiz um trabalho bem legal com uma comunidade quilombola em Contagem - MG e também um na Bahia com os pescadores. A moda surgiu quando percebi que gostava de dirigir e tomar conta da cena adorava divagar sobre locações e ensaios, então resolvi vir para São Paulo na cara e na coragem tentar trabalhar com isto e graças a Deus fui recebida super bem por quem já estava no mercado.

Minha dica para quem está começando é ter serenidade e paciência para progredir na carreira. Tudo tem seu tempo!

Tumblr L95zebVs1F1qb1tp4o1 1280

Qual a principal característica do seu trabalho? Onde você mais se destaca?

Acho que tenho uma pegada forte mas também sutil. Beleza e luz são aspectos fundamentais na composição das minhas imagens, também acho que minha direção é bem notável. Quando fotografo coloco toda minha paixão na imagem, sem preocupar com repercussão e se outras pessoas irão gostar, acho que talvez seja isto.

Conte um pouquinho sobre os trabalhos em P&B e Color, a diferença entre os dois e qual você prefere.

Tenho um caso de amor com fotografia Preto & Branco, ela é eterna e atemporal. Você pode ficar olhando horas e horas que não vai enjoar nunca de uma imagem P&B, já a color é vida. Adoro trabalhar com filtros de cores e ultimamente tenho feito muita imagem color, que traz uma energia mais vibrante para meu trabalho. Atualmente não tenho preferência, tudo depende do modo e do que quero passar na imagem.

BrunaCastanheira11

Bruna Castanheira Foto 2Bruna Castanheira Foto 1

Quanto ao digital e analógico como você vê essa evolução e diferenças entre os dois?

A ascensão da fotografia digital possibilitou que qualquer pessoa com uma câmera desempenhe o papel de fotógrafo, enquanto a analógica é mais complexa e é necessário ter mais conhecimento sobre o assunto. Um ponto negativo da fotografia digital é que como podemos ver a imagem na hora, também podemos apagar, então fica mais banalizada a imagem, além de as imagens digitais serem mais vulneráveis, podemos perder tudo em um computador ou HD. Com o filme não acontece isto a não ser que haja alguma catástrofe, como um incêndio, por exemplo. Quando fui monitora do laboratório só trabalhava com o analógico, sinto falta de revelar minhas fotos, ver a imagem aparecer no papel aos poucos é extasiante. Com o advento do digital tudo ficou mais fácil e rápido, consigo ver e consertar erros enquanto fotografo, essa sensação de ver na hora a imagem e ter este controle é bem diferente. Ainda fotografo em viagens e amigos com minhas analógicas, mas para trabalho, a digital é essencial.

A sensibilidade e o olhar são fatores primordiais para um fotógrafo, acredito que técnica vem com o tempo.

Qual o maior desafio que atravessou na carreira?

Meu maior desafio foi decidir largar tudo em prol do meu sonho. Abri mão do certo pelo incerto e mudei para SP. Tive também alguns desafios bem no início, com clientes grandes e eu ainda bem imatura não sabia lidar muito com eles. Então aprendi desde o começo a ter serenidade nestas situações.

Quais são suas principais referências profissionais e por quê?

Os fotógrafos que mais admiro são Peter Lindbergh, Richerd Avedon, Elle Von Unwerth, Irving Penn, Cindy Sherman, Greg Kadel, Steven Meisel, Mert & Marcus, Paolo Roversi, Bruce Weber, Tim Walker, Camila Akrans. Todos possuem características que eu priorizo no trabalho: luz linda e direção impecável.

Bruna Castanheira Foto 3

Como você vê o Brasil no cenário das artes: fotografia, cinema, teatro...

O cenário está bem movimentado nos dias de hoje, os brasileiros estão mais interessados na nossa cultura, vários projetos culturais sendo concretizados e muitos editais são lançados para os artistas conseguirem viabilizar seu trabalho. A arte brasileira também está valorizada lá fora, principalmente o cinema e artistas plásticos, como: Vik Muniz, Adriana Varejão, Beatriz Milhazes, Os Gêmeos, dentre outros maravilhosos.

Quais seus próximos planos e projetos?

Tenho milhões de planos e projetos (risos), desde ir morar na beira da praia até fazer uma capa da Vogue Paris (risos). Mas um plano próximo é ir morar fora um tempo para agregar mais técnicas ao meu trabalho e também trabalhar com pessoas diferentes.

Meu lema é viver a vida agradecendo o tempo todo, nada acontece por acaso, então deixo tudo fluir.

 Bruna Castanheira 2

Bruna Castanheira 3

 Bruna Castanheira 1

 

Fotos: Foto 1 - Arquivo Pessoal; fotos 2 a 10 - Bruna Castanheira. 
Veja mais: www.brunacastanheira.com e http://www.brunacastanheira.tumblr.com

Junte-se a outros profissionais criativos e empresas. Cadastre-se grátis!