Entrevistas

KetlinOhana

Ketlin Kruger fotografou o editorial "Nímia", que aborda os exageros do consumismo. A new face conta sobre como ingressou na carreira de modelo, as principais dificuldades, preferências, aprendizados e planos para o futuro.

Qual a maior dificuldade que você encontrou para ingressar na profissão de modelo?
Não tive muitas dificuldades, apenas os obstáculos tradicionais da carreira de modelo: melhorar a fotogenia, postura, o andar na passarela e as medidas. São lições que os meus bookers me ensinaram. Tive muita força de vontade e dedicação, aos poucos estou conquistando os meus objetivos.

A carreira de modelo não é fácil, é preciso ter muita persistência pois teremos que lidar com frustrações e desencantos. Também é preciso estar preparada para alguns ouvir os 'nãos'.

KetlinOhana4

 

Você tem alguma modelo como referência e inspiração?
Sim, conheço algumas modelos e cada uma possui algo para ensinar. Tenho como inspiração aquelas que já alcançaram o sucesso profissional, como a Adriana Lima, Candice Swanepoel, Thairine Garcia, entre outras. Para perder a timidez de ser fotografada, treinei algumas poses, imitei alguns trabalhos de algumas modelos e fazia "carão" em frente ao espelho.

Foto ou passarela, o que você prefere?
Sou apaixonada pelos dois. Amo a ansiedade e o nervosismo de ter a responsabilidade de mostrar a obra-prima do estilista, o frio na barriga, e quando termina o desfile sempre fico com gostinho de quero mais. Também amo ser fotografada, ter toda a atenção que a equipe oferece e reinventar a cada pose. Dar vida à proposta do cliente, entender o que ele deseja e fazer o melhor possível.

KetlinOhana3KetlinOhana2 

O que você faz antes de começar um trabalho? 
Quando é desfile gosto de estar em paz, faço um pouco de meditação e oro muito. Quando é ensaio fotográfico, procuro imaginar o que irei fazer. A interação com a equipe é fundamental, pois cada profissional dá alguma dica e isso serve inclusive para futuros trabalhos.

Como uma new face encara a grande concorrência e disponibilidade de profissionais nesta área?
É difícil nos primeiros anos, até adquirir experiência e reconhecimento precisamos nos preparar muito e se superar a cada trabalho. No começo é preciso estar sempre preparada, afinal não sabemos quando a nossa estrela vai brilhar.

Tem pessoas que desmerecem a minha profissão por acreditar que é uma vida fácil, onde se trabalha pouco e recebe muito, quando na verdade não é assim. Para algumas modelos a realização profissional é instantânea, mas são exceções. 

O que você planeja para o seu futuro?
Quero viajar, adquirir experiências e trabalhar com as marcas que mais almejo. Também gostaria de estar presente nas semanas de moda internacionais. Essas são as minhas metas para o meu futuro, além disso, a partir do próximo ano pretendo conciliar a faculdade e a carreira de modelo. 

KetlinOhana5 


Fotos: 1,3 e 4 - Divulgação; 2 e 5 - Andréia+Nathalia Takeuchi.

Junte-se a outros profissionais criativos e empresas. Cadastre-se grátis!